What's Up

Marcelo Bastos competirá mundial na China pelos EUA


O paulista Marcelo Bastos é o único brasileiro inscrito no campeonato mundial de vertical, que acontece essa semana em Nanquim, na China.

Mas o skatista competirá pelos EUA, já que a competição faz parte do Roller Games, evento organizado pela Firs (que agora se chama World Games), e a Confederação Brasileira de Patins e Hóquei foi a responsável pela convocação de skatistas brasileiros. Nenhum skatista aceitou viajar pela CBPH.

Por ser casado com uma norte-americana, Bastos tem a cidadania que o credencia a competir pelos EUA, onde mora há alguns anos.

Além dos EUA, o mundial tem participantes da Austrália, Canadá, Japão, Argentina, Chile, Polônia, China, Itália, Coréia do Sul, Portugal, Espanha, Alemanha, Suécia e Inglaterra.

Em 2020 o skate estará nas Olimpíadas de Tokyo nas modalidades Park e Street. Segundo Neal Hendrix, da World Skate, o Vertical não poderia ser incluído nos jogos porque o Comitê Olímpico Internacional exige que as modalidades tenham igualdade de gênero, mas o skate vertical feminino ainda não tem competidoras de nível como street e park em todos os países.

No último final de semana, um congresso da Firs fundiu a entidade com a federação internacional do skate e passou a se chamar World Skate. A partir de agora, competições de skate da World Skate automaticamente darão os poderes para a CBSk.

Campeonato mundial de Vertical na China. (Divulgação)

Veja também

Firs se torna oficialmente World Skate

Santos renuncia e Bob se candidata à presidência da CBSk

Ed Scander explica campanha #somostodosCBSK

ISF publica carta de apoio à CBSK

Por Redação Tribo Skate
Os textos, informações e opiniões publicadas nesse espaço são de total responsabilidade do autor. Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Ativo.com