CBSK recebe pedidos de profissionalização para 2019

27 de novembro de 2018 ● POR Divulgação

A Confederação Brasileira de Skate (CBSK) acabou de anunciar que está recebendo pedidos de profissionalização de skatistas amadores.

Rayssa Leal, flip. Foto: Júlio Detefon

Atletas de todas modalidades (Bowl, Downhill Speed, Downhill Slide, Freestyle, Longboard, Slalom, Street, Vertical, etc) já podem entrar com pedidos.

Alberto Neto, fs flip lien. Foto: F. Ross

A decisão de quem será profissionalizado é de um comitê de skatistas profissionais das respectivas modalidades.

JP Oliveira, fs crooked. Foto: Paulo Macedo

A diretoria e membros da CBSK não têm poder de decisão ou influência em quem se profissionaliza em 2019.

Os skatistas aprovados poderão competir em competições profissionais oficializados pela CBSK a partir de 1º de janeiro de 2019.

Os amadores interessados e/ou os team managers (chefes de equipe) precisam seguir os procedimentos:

1) enviar para comunicacao@cbsk.com.br um breve currículo do skatista com as principais colocações em competições, aparecimento em revistas, vídeos e sites em 2017 e 2018

2) preencher na “Declaração de Responsabilidade” os dados (nome completo, RG, CPF e endereço com CEP) do competidor Amador 1 que deseja se profissionalizar

3) preencher na Declaração de responsabilidade sobre o competidor profissional os dados (nome completo, RG e CPF) do dono da marca

4) solicitar ao sócio gerente assinar esta declaração

5) reconhecer firma da assinatura do dono da marca na Declaração de responsabilidade sobre o competidor profissional

6) enviar a declaração preenchida e digitalizada junto com a cópia do cartão de CNPJ da empresa também digitalizada para comunicacao@cbsk.com.br

Foto de capa: Dora Varella, fs smith grind. Foto: Jeff de Oliveira