Entrevista

Revolback entrevista: Danielone


Daniel Cacciatore, a.k.a. Danielone, é um artista paulistano que não para.

Uma hora fazendo grafite, outra pintando tela ou até mesmo cantando em alguma de suas bandas de hardcore; prova de que seus múltiplos talentos se encaixam em vários caminhos da arte de rua.

Revolback entrevista Danielone

entrevista por: Edu Revolback

 

Apresente-se, por favor? Daniel Cacciatore (aka Danielone), nasci em 20 de janeiro de 1982 no bairro do Brooklin em São Paulo. Sou um só, mas poderia ser vários: desenhista, grafiteiro e vocalista das bandas de hardcore/grindcore/crossover: Presto? e R.H.D. (raça humana destrói). Sou formado em desenho industrial pela FAAP e faço graffiti desde 1995.

Quando você começou a se interessar por arte e como o rock atravessou o seu caminho? Desde criança eu gostava muito de gibis, álbuns de figurinhas e meu pai e os irmãos dele gostavam de Kiss, Black Sabbath, Deep Purple, T.Rex e desde pequeno eu já gostava tanto da música como da estética do Rock.

Revolback entrevista Danielone

Fora a arte, quais sua principais produções na área musical? Sou vocal do Presto?, que já toca há 18 anos, e do R.H.D., que já está 14 anos na ativa. Juntando as duas bandas já gravamos oito discos:  a.q.n.p. (2000), Ódio Puro Concentrado (2001), Atentado Sonoro (2004), Inferno na Terra (2006), Comportamento Macabro (2009) e Foice 13 (2013); com o RHD gravei dois discos: Xô Governo (2003) e RHD (2009).

Quais artistas te inspiram na arte, música e skate? Jim Phillips, Pushead, Tim Kerr, Marcatti, Billy Argel e muitos outros. Na música também tem muitas bandas, de All até Napalm Death (risos). E no skate aquele vídeo da Santa Cruz: Streets on Fire, me fez conhecer muitas bandas.

Revolback entrevista Danielone

Você é uma pessoa que se envolve muito na cultura undergroung, o que você está fazendo atualmente e quais os planos futuros? Eu desenho pra algumas marcas de skate e surf. Faço graffiti, pinto alguns quadros e painéis e toco com as bandas. Os planos futuros são continuar desenhando, grafitando e tocando até quando for fisicamente possível. (risos)

Pra finalizar, qual o melhor skatista de todos os tempos? Natas Kaupas!

Revolback entrevista Danielone

Revolback entrevista Danielone

conheça mais de Danielone

instagram.com/danielonepresto

Por Redação Tribo Skate
Os textos, informações e opiniões publicadas nesse espaço são de total responsabilidade do autor. Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Ativo.com