Oito brasileiras nas semis no Oi STU Open

14 de novembro de 2019 ● POR Divulgação

O skate feminino brasileiro encerrou o primeiro dia de disputas do Oi STU Open com oito representantes avançando para as semifinais.

As classificatórias femininas do Park (Pro Tour) e Street (5 estrelas) abriram a fase de competições do evento e aconteceram simultaneamente na tarde desta quarta-feira (13), na Praça Duó, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

No Park, as 17 mais bem colocadas seguem na competição, dentre elas Victoria Bassi (7ª), Erica Leguizamon (13ª), Camila Borges (14ª) e Bia Sodré (15ª). No total, serão sete brasileiras na semifinal do Park. Dora Varella, Isadora Pacheco e Yndiara Asp já estão pré-classificadas por figurarem entre as 15 melhores do ranking mundial da World Skate.

“Pra mim foi super irado, eu queria muito passar. Fiquei pensando: eu sei, eu posso e eu consigo. Imaginei a minha linha inteira eu acertando. Pra mim não foi uma pressão. Pra mim o que importa é estar lá me divertindo com as meninas e fazendo o que eu amo, que é andar de skate”, comemora Victoria Bassi, skatista brasileira com melhor colocação no Park.

“Achei que foi boa [a estreia] porque consegui montar uma linha muito rápido, achei que não ia ficar tão boa, mas foi suficiente para conseguir passar. Gostei bastante. Na próxima fase eu pretendo melhorar, botar as manobras mais corridas, mais altas”, completa Erica Leguizamon.

Nas eliminatórias, Leticia Gonçalves, Ana Julia Theodoro, Emily Antunes e Luana Iamamoto ainda representaram o skate nacional.

No Street, as 19 melhores passaram de fase. Isabelle Menezes (6ª), Rafaela Murbach (7ª), Giovana Dias (9ª) e Ariadne Souza (18ª) seguem nas disputas. Como Pamela Rosa, Rayssa Leal, Gabriela Mazetto, Virginia Fortes Águas e Isabelly Ávila já estão pré-classificadas (top 15 do ranking mundial), a semifinal feminina do Street contará com nove brasileiras no total.

“A sessão foi boa, consegui passar para a semifinal em sexto lugar. Finalmente a chuva deu uma trégua, rendeu esse solzão bonito pra gente. Satisfação em ter passado e poder competir com as outras meninas”, comemora Isabelle Menezes, brasileira mais bem colocada no Street.

Karen Feitosa, Karol Lima e Giulia Scorza também representaram o Brasil nas classificatórias, mas não conseguiram avançar.

Classificatórias masculinas

A quinta-feira (14) será dia das classificatórias masculinas na Praça Duó.

No Park, Héricles Fagundes, Pedro Carvalho, Matheus Mello, Italo Penarrubia, Luigi Cini, Augusto Akio, Vi Kakinho, Hugo Montezuma, Micael dos Passos e Felipe Foguinho estarão nas disputas.

No Street, Felipe Gustavo, Ivan Monteiro, Lucas Rabelo, Luan Oliveira, Marcelo Batista, João Lucas Alves, Gabryel Aguilar, Elton Melonio, Lucas Xaparral e Mike Dias representam o skate brasileiro.

No Park masculino, Luizinho Francisco, Pedro Barros, Pedro Quintas, Mateus Hiroshi e Murilo Peres já estão entre os pré-classificados para a semifinal. No Street, Kelvin Hoefler tem vaga assegurada.

Comissão técnica da CBSk

Integram a comissão técnica da CBSk os consultores técnicos Edgard Vovô (Park) e Rogério Mancha (Street), o coordenador técnico Julio Detefon, os fisioterapeutas Alison Paz e Carlos Barreto, o médico Maurício Zenaide e a psicóloga Juliane Fechio.

Brasil nas Olimpíadas

A partir dos critérios estabelecidos para as Olimpíadas, o Brasil poderá contar com até 12 atletas no total em Tóquio – três no Park feminino, três no Park masculino, três no Street feminino e três no Street masculino.

A participação desse número limite dependerá do desempenho dos brasileiros nas duas janelas classificatórias, seguindo as prerrogativas mencionadas anteriormente.

Crédito das fotos: Julio Detefon